25 de dez de 2017

Com aquisição da Blink, a Amazon segue investindo na casa inteligente

A startup Blink, que produz câmeras de segurança doméstica, bem como uma nova chamada de vídeo conectada via Wi-Fi, foi adquirida pela Amazon. Blink, fundada em Boston em 2014, surgiu após uma campanha de crowdfunding que arrecadou mais de US $ 1 milhão baseada em seu sistema de monitoramento doméstico totalmente sem fio.

Blink- não confundir com as startups de mensagens instantâneas e reservas de hotéis com o mesmo nome - tem sólida experiência na construção de um sistema de supervisão e segurança sem fio para a casa conectada. Suas principais virtudes são que ele não precisa de nenhum cabo, a instalação é simples e funciona com baterias substituíveis, fáceis de encontrar e de trocar

A chamada de vídeo Blink Doorbell, por exemplo, funciona com duas pilhas AA que duram cerca de dois anos. E é mais barato - $ 99 - que o anel sem fio do Ring, oferecendo muitos recursos semelhantes, como detecção de movimento, áudio bidirecional, impermeabilização e visão noturna, conforme relatos do TechCrunch.

A Amazon já fez incursões nos campos de câmeras de vídeo domésticas conectadas e até mesmo de produtos domóticos. Este é o caso da Cloud Cam e da Amazon Key, que permitem o acesso remoto ao lar para pessoas que fazem entregas.

A corporação de Seattle está muito interessada em obter uma posição sólida no espaço da casa conectada, após o sucesso de produtos como o assistente pessoal Alexa. Para competir com rivais como Nest e Ring, a tecnologia da Blink tem muito para oferecer aos consumidores em termos de benefícios de custo e conveniência.

23 de dez de 2017

CES 2018 chegando: quais as tendencias para as casas inteligentes?

Fonte: CR Consumer Reports

A CES é a maior feira de eletrônicos do mundo, e está chegando no início de janeiro em Las Vegas. Apresentamos as tendências mais interessantes para casas inteligentes que identificamos até agora: sistemas inteligentes de segurança em casa  controle de voz cada vez mais sofisticado e até mesmo aparelhos conectados.

Segurança doméstica é um tópico quente
As empresas grandes e pequenas anunciaram recentemente e / ou lançaram novos sistemas de segurança doméstica do tipo "faça voce mesmo" (DIY). A súbita quantidade de produtos levou-nos a analisar os custos a longo prazo desses sistemas. Alguns dos sistemas ainda a serem lançados, como o Honeywell Smart Home Security System, provavelmente irão debutar na CES. E poderemos ver sistemas totalmente novos anunciados no show.

"Os produtos de segurança terão uma grande exibição na CES este ano, porque eles servem para fins duplos", diz o analista de casas inteligentes Blake Kozak da IHS Markit, uma empresa de análise financeira. "Uma câmera de segurança pode avisá-lo quando um pacote chegou na porta da frente ou quando uma criança chega em casa da escola. Além disso, câmeras de segurança e porteiros com campainhas de video podem atuar como um portal de comunicação para pais, filhos e família ".

Os prêmios da CES Innovation Awards lançados para premiar inovações para casa inteligente incluem várias câmeras de segurança e outros produtos de segurança doméstica. Uma câmera de segurança doméstica que estamos curiosos para ver no show é o Blink Video Doorbell, que afirma oferecer uma inigualável duração de bateria de dois anos.

A lista de prêmios revela outro achado interessante: os novos sensores de movimento Aura de uma startup chamada Cognitive Systems. Ao contrário dos sensores de movimento típicos, que procuram movimento usando luz infravermelha, esses sensores buscam movimento, verificando se há distúrbios nos sinais sem fio que circulam pela sua casa. Os sistemas cognitivos afirmam que seus sensores podem detectar a diferença entre o movimento causado por pessoas, animais de estimação ou objetos mecânicos, como ventiladores, que os sensores tradicionais não podem fazer.

Crescimento ainda no controle de voz
Alexa da Amazon foi a grande estrela no show do ano passado, e esperamos que o controle de voz de Alexa e outros assistentes de voz seja ainda mais prevalente este ano.

"Embora nem todos os produtos anunciados na CES tenham microfones embutidos, veremos um enorme influxo de integrações em nuvem", diz Kozak, "o que significa que aparelhos, despertadores e outros produtos serão conectados à Internet e terão a capacidade de ser controlado através do Alexa,  Google Home Assistant ou Siri ".

Isso é certo, a Siri da Apple está agora em funcionamento para se integrar com mais produtos, graças à Apple ter flexibilizado seus requisitos HomeKit. A empresa costumava exigir que um chip HomeKit especial fosse incorporado em produtos compatíveis para aumentar a segurança, mas a Apple agora está permitindo que os fabricantes ignorem essa regra usando o software em vez disso.

Quanto ao Alexa e ao Google Assistant, antecipamos ver os assistentes incluidos em alguns produtos novos e incomuns. Por exemplo, no início deste ano, a Ecobee lançou uma versão do seu termostato inteligente - o Ecobee 4 - com o Alexa incorporado. A empresa também incluiu um interruptor de luz inteligente com o Alexa. Esperamos aprender mais sobre o último produto na CES.

Mais equipamentos se tornam conectados
Todos os anos, vemos mais e mais aparelhos conectados na CES. Esperamos que a tendência continue, com não apenas mais aparelhos inteligentes, mas também integrações mais intuitivas. Isso significa que os dispositivos em sua casa podem conversar uns aos outros e executar funções automaticamente, em antecipação às suas necessidades, como diminuir a temperatura na sua cozinha quando o forno estiver ligado.

Essas novas máquinas podem variar desde a geladeira inteligente da Samsung Family Hub equipado com tela sensível ao toque até a máquina de lavar Whirlpool Cabrio WTW8700EC, que você pode controlar com um aplicativo de smartphone. Muitos aparelhos já suportam o controle de voz através do Alexa e do Assistente do Google (incluindo vários dispositivos de cozinha e lavanderia da GE), e não nos surpreenderíamos ao ver mais fabricantes anunciarem ou ampliar suas ofertas de controle de voz no show.

Outros desenvolvimentos prováveis?
Mais integrações entre aparelhos inteligentes e outros dispositivos em casa. Por exemplo, os fornos Bosch Home Connect já se conectam aos detectores de fumaça Nest Protect e oferecem a capacidade de desligar automaticamente se o detector de fumaça Protect na sua cozinha se apagar devido a um incêndio. Outro exemplo: a integração entre os fornos Bosch Home Connect e o Drop (aplicativo de receitas inteligentes), que permite que o forno ajuste automaticamente conforme a preparação da comida exigir

21 de dez de 2017

Estudo IDC revela impressões dos brasileiros com relação às casas inteligentes


A última edição do QuISI, estudo conduzido pela Qualcomm em parceria com a IDC, revelou que 98,1% dos brasileiros usam o smartphone para se comunicar e executar tarefas cotidianas que exigiriam deslocamento físico. Ainda, 41,9% dos usuários brazucas tendem a trocar de aparelho a cada 2 anos.
Abaixo reproduzimos o tercho que trata sobre as casas conectadas

Casas conectadas e inteligentes
Quanto ao conceito de casa inteligente, conectada à Internet das Coisas, 67,3% dos entrevistados disseram já estarem familiarizados com a ideia. Apesar disso, apenas 4,3% deles já possuem pelo menos um dispositivo inteligente em casa, enquanto outros 68,4% gostariam de ter, mas ainda acham esses produtos muito caros.
Com relação aos benefícios de uma casa inteligente, 81,3% das pessoas ouvidas pela pesquisa acreditam que o controle de segurança seja o mais atrativo, enquanto 75% gostam da ideia de controlar a iluminação remotamente.


O estudo completo pode ser acessado em http://www.idclatin.com/quisi2017/brasil.html

19 de dez de 2017

Projeções para o mercado de Automação Residencial

Um crescimento bem acima da média de outros mercados mais convencionais está previsto para as soluções de Automação Residencial, em nivel mundial.

Abaixo um gráfico que mostra o resultado de uma das pesquisas divulgadas neste final de ano, esta publicada no Financial Times. O resultado pode ser observado por tipo de sistema, identificados conforme as cores a eles atribuidas